Tel.: +55 11 5181.0222

Produção e Vendas de Motocicletas têm nova retração

Com a dificuldade dos consumidores para aprovação de financiamentos, em abril a produção teve queda de 18,8%, enquanto a comercialização no atacado recuou 15,8% em comparação com o mês anterior.

Apesar das reduções nas taxas de juros anunciadas pelos bancos em abril, o segmento de motocicletas apresentou queda nas vendas ao consumidor final (emplacamentos), que totalizaram 132.201 unidades, correspondendo às baixas de 20,2% ante março e 9,5% em relação a mês similar de 2011. Em decorrência disso, as fabricantes reduziram a produção para 145.697 unidades, volume 18,8% menor que o registrado em março (179.451) e 18,4% inferior ao de mês similar do ano passado (178.646), conforme dados divulgados pela ABRACICLO – Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares.

As vendas de motocicletas no atacado (mercado interno) totalizaram 138.608 unidades no mês passado, ante 164.688 em março – uma baixa de 15,8%. A redução chegou a 20,2% no comparativo com o volume comercializado em abril de 2011 (173.735 unidades).

“As reduções nos juros não se refletem na aprovação do crédito. Na prática, persistem a maior seletividade e o rigor na liberação dos financiamentos, observados desde o final do ano passado. Com isso, grande parte dos consumidores de motocicletas, que pertence às classes socioeconômicas C e D, acaba impossibilitada de concretizar a compra, o que acarreta em quedas nos negócios e, consequentemente, na produção”, afirma Marcos Fermanian, presidente da ABRACICLO.

As vendas de motocicletas ao mercado externo, no entanto, continuam em expansão. Foram exportadas 8.804 unidades em abril, volume 26,2% superior ao de março passado (6.978). No comparativo com mês similar do ano passado, as exportações cresceram 33%.

Sobre a ABRACICLO e o Setor de Duas Rodas

Com 35 anos de história e 11 associadas, a ABRACICLO - Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares - representa, no país, os interesses dos fabricantes de transporte em Duas Rodas, além de investir fortemente em ações que tenham por objetivo a busca pela paz no trânsito e pilotagem defensiva.

Representativa, a fabricação nacional de motocicletas - majoritariamente concentrada no Polo Industrial de Manaus (PIM) - está entre as cinco maiores do mundo. Já no segmento de bicicletas, o setor coloca o Brasil na terceira posição entre os principais produtores mundiais. No total, o Setor de Duas Rodas gera em suas indústrias mais de 20 mil empregos diretos.

MOTOCICLETA

BICICLETA

Frota Nacional: mais de 18 milhões

Frota Nacional: mais de 65 milhões

Produção anual: mais de 2 milhões de unidades

Produção anual: mais de 5 milhões de unidades

5º maior produtor mundial

3º maior produtor mundial

Caso queira conhecer mais sobre os trabalhos da ABRACICLO, acesse o site www.abraciclo.com.br.

JoomShaper